Testes A/B, qual a sua importância numa estratégia digital?

Todos nós que trabalhamos em marketing digital gostariamos de saber qual é a fórmula ideal para melhorar as conversões, melhorar o posicionamento no Google ou a taxa de abertura de uma campanha de email, mas a resposta mais honesta a estas perguntas é: “depende” porque não há uma resposta correta quando se trata de marketing, pois o que funciona para uma empresa pode não funcionar para outra, uma vez que os clientes e públicos são diferentes.

Há muitas variáveis que estão em jogo em cada campanha por isso é normal que fiquemos com dúvidas, mas dado que o objetivo é otimizar as campanhas de marketing e melhorar as taxas de conversão, um método muito eficaz para melhorar a estratégia usada é executar os chamados testes A / B.

Neste artigo, vou explicar o que é um teste A / B, e como usá-lo para otimizar as suas campanhas.

O que são testes A / B?

Os testes A / B consistem em mostrar duas versões da mesma landing page, anúncio ou email para um grupo de aleatório de pessoas (amostra) e analisar qual deles converte melhor. Por ex: a versão A do teste mostra a landing page original, enquanto a versão B mostra a mesma landing page, mas com algumas alterações. No final do período de testes, saberá qual das duas versões converte melhor.

Ou seja os testes A / B permitem a comparação de duas ou mais versões de conteúdos destinados a pessoas semelhantes. Os testes A / B  podem ser usados para testar desde landing pages, anúncios pagos e até  campanhas de email marketing.

No mundo do email marketing, os testes A / B consistem na criação de uma variante da sua campanha para testar qual é a versão que funciona melhor com o seu público-alvo em termos de taxas de abertura e cliques.

Por exemplo, adicionar um emoji na linha de assunto aumenta a taxa de abertura? Um botão vermelho  (em vez de um botão branco) aumenta os cliques?

No marketing digital as conversões são  o principal objetivo e com os testes A / B podemos otimizar cada vez mais os resultados das campanhas com base em diferentes variáveis para assim melhorar a conversão e o retorno do investimento (ROI)

Com um teste A / B, é possivel identificar o que funciona para o seu público e verificar qual é a campanha  que está a gerar melhores resultados,  pois os testes A / B permitem-lhe ajustar a sua campanha às necessidades do seu público-alvo.

Como fazer os testes A / B?

Existem diversas maneiras de fazer um teste A / B, pois dependerá muito do que pretende fazer e de onde quer executá-lo, tendo sempre em conta as métricas, para poder analisar os resultados.

Por exemplo, imagine que têm uma landing page e quer aumentar o número de leads e na landing page têm um botão de chamada para ação (CTA) e o formulário de envio.

Neste caso, no teste A / B podia começar por alterar a cor do botão, e testar qual a cor que causa mais interação e assim analisar qual é a que converte melhor e gera mais resultados.

Neste exemplo, podiamos alterar por exemplo:

Títulos, descrições, botões de chamada para ação, esquema de cores, modificação de conteúdos, testes com preços diferentes, testes com diferentes segmentos ou públicos-alvo, localização das imagens, etc…

Todos os pontos indicados são apenas um exemplo de tudo que se pode fazer com um teste A / B, pois as possibilidades são infinitas. Apenas é necessário ser paciente e depois das alterações analisar os  resultados e optar pela landing page que gera mais conversões.

 

Testes A/B numa landing page, o que testar?

– Apelo à ação (CTA): pode mudar a cor de um botão para textos de apelo à ação (compre agora, subscreva), tamanhos, fontes e locais para colocá-los.

As imagens: o uso de imagens diferentes, com tamanhos diferentes, pode influenciar os resultados. Experimente colocar na landing page imagens de pessoas ou imagens de produtos e compare os resultados obtidos.

Formulários: se o objetivo é obter leads, tente incluir ou remover campos e modificar o botão enviar.

Estrutura:  efetue alterações na maneira de apresentar as informações.

Ofertas e promoções: se lançar uma oferta, faça testes alterando o preço, o local da oferta, destaques, etc…

 

Defina os objetivos que pretende atingir

Normalmente um teste A / B tem um objetivo que queremos alcançar.

O mais comum é uma melhoria nos KPIs e aumentar as conversões.

Melhoria nos KPIs

– Aumentar o tempo médio no site

– Aumentar o número de páginas visitadas

– Reduzir a taxa de rejeição

– Reduzir a taxa de abandono do carrinho de compras

– Aumentar o valor médio da compra

Aumentar as conversões

– Aumentar o número de subscritores

– Aumentar o número de leads recebidas

– Aumentar as vendas

– Aumentar a taxa de abertura nas campanhas de email marketing

 

Testes A / B no Email Marketing

Para criar um teste A / B no email marketing, é necessário analisar os relatórios de campanhas anteriores para identificar o que melhorar, como a taxa de abertura, taxa de cliques, interações, respostas aos emails, etc… e fazer testes em horários diferentes ou em determinado dia da semana e comparar os resultados.

O teste A / B no email marketing é um processo muito simples: envie duas versões do mesmo email, que diferem apenas numa variável, e verifique qual o que recebe mais aberturas e cliques.

Existem diversas variáveis que podem ser testadas, como o assunto do email, o texto, a CTA (chamada à ação), a cor do botão da chamada à ação, as imagens, as ofertas e até a hora do envio.

Esses testes podem ser mais simples ou mais complexos. Os testes A / B simples incluem itens que podem ser facilmente personalizados, como assunto, cor e tamanho do botão. Os testes mais avançados incluem a personalização de diferentes elementos na campanha de email, como a localização das imagens, o estilo de escrita ou diferentes modelos de email.

Em resumo, o objetivo é identificar pequenas mudanças que melhoram o número de pessoas que abrem os emails, clicam num link específico ou geram vendas, mas vou indicar alguns testes A / B que pode executar:

Assunto do email: ajuda a melhorar a taxa de abertura

Teste de cabeçalho: pode contribuir para aumentar a taxa de compromisso.

Testes de links ou botões: para ver qual aumenta a taxa de cliques

 

Erros que devem ser evitados num teste A / B

Agora que já sabe o que é um teste A / B, vou explicar quais os erros que deve evitar para que a estratégia funcione.

Testar mais de uma variável de cada vez

Este é um dos erros mais graves que é cometido, isto porque se pretende que os testes funcionem, deve alterar apenas uma variável em cada teste. O motivo é simples: se mudar o assunto, o texto do email e a cor do botão de chamada à ação, por exemplo, não saberá qual é o fator que levou à melhoria dos resultados, por isso seja paciente e faça uma alteração de cada vez.

Usar públicos muito diferentes

No caso de campanhas de email marketing os testes A / B devem ser baseados no envio do email a dois grupos de pessoas para comparar os resultados entre si. Mas se os dois grupos forem muito diferentes, os resultados não serão comparáveis ​​e por isso não poderá chegar a conclusões sobre o que funciona melhor. Para evitar esse problema, deve garantir que os dois grupos sejam o mais semelhantes possíveis.

O mesmo acontece nas campanhas PPC, por ex no Facebook ads, se fizer uma alteração nos anúncios, e alterar a segmentação, os resultados serão diferentes pois os públicos também serão diferentes.

Usar públicos muito pequenos

Se não tiver um número grande de emails ou o público nos seus anúncios for muito pequeno, os resultados podem sair distorcidos, pois tal como nos estudos científicos, é necessário ter um número suficientemente grande para que os dados sejam de confiança.

Não arriscar

Os testes A / B são o seu campo de testes, por isso faça alterações e teste todos os tipos de idéias. Quem não arrisca não ganha!

 

Ferramentas para realizar um teste A / B

Existem várias opções, pelo que deve escolher a mais adequada para o seu caso.

Google Analytics: é uma ferramenta essencial para a realização de testes A / B, pois é a ferramenta grátis mais completa para métricas e dados estatísticos.

Optimizely: é uma ferramenta de testes A / B que permite testar sem a necessidade de ser especialista em aspectos técnicos. A plataforma Optimizely permite testar páginas da web e aplicações móveis.

Google Optimize: usado para criar várias versões de um teste A / B.

AB Tasty: o AB Tasty permite executar testes A / B em sites e aplicações móveis. Permite testar várias variações e personalizar o conteúdo de acordo com o visitante que visita a página.

KiSSmetrics: útil para conhecer as ações de um visitante numa loja online.

Crazy Egg: ferramenta simples e útil para analisar o comportamento do visitante num website.

Unbounce: perfeito para usar em landing pages.

MooseWay: é uma ferramenta bastante conhecida para usar em landing pages, pois o Moose permite fazer um teste comparativo de projetos muito completos e segmentados, permitindo fazer quantos testes A / B forem necessários e quantas comparações forem necessárias.

 

Quais as vantagens dos testes A/B, para a sua empresa?

 

Permite conhecer melhor os seus clientes

Uma das grandes vantagens do teste A / B é que lhe dá a possibilidade de conhecer melhor os seus clientes. Com a realização de testes e depois de comparar os resultados, conhecerá melhor os seus clientes e isso vai ajudá-lo a decidir como devem ser as seguintes campanhas de marketing.

Permite aumentar a rentabilidade

Um teste A / B ajudará a sua empresa a obter mais rentabilidade, pois vai aumentar a taxa de conversão das suas campanhas de marketing. E lembre-se que as conversões são o grande objetivo de qualquer campanha marketing.

Permite melhorar a imagem da empresa

Da mesma forma, os testes A / B podem ajudar a melhorar a imagem da sua empresa, pois no final escolherá os elementos que melhor satisfazem as necessidades dos seus clientes. Por ex: quando enviar um email, os subscritores vão recebe o que gostam, e a percepção da imagem da sua empresa melhorará substancialmente.

Reter clientes

Ao testar continuamente o que seus clientes gostam ou não permite oferecer-lhes a melhor experiência possível, e assim contribui para a retenção de clientes.

 

Conclusão

Não importa quantos testes A / B quer fazer: tente apenas uma coisa de cada vez e analise, até obter a melhor taxa de conversão.

Os testes A/B fornecem pistas bastante válidas para saber qual é a melhor estratégia para o seu site se adaptar e atrair potenciais clientes e faturar mais no seu negócio, mas é crucial ser rigoroso quando efetua os testes A / B se quiser obter dados válidos que possam ser usados para planear novas estratégias e objetivos de negócio.

Depois de fazer todos os testes e encontrar a melhor landing page, anúncio ou email então as suas conversões e vendas vão aumentar.

Espero que este artigo o possa ajudar a colocar os testes A/B em prática e a melhorar as suas campanhas de marketing digital para que possa melhorar o seu ROI.

One thought on “Testes A/B, qual a sua importância numa estratégia digital?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s